Código: 630

Um laboratório de antropologia

Bookmark and Share

Referência: 9788579391675


Por:
R$ 44,00

ou 3x sem Tarifa de R$ 14,67
 
Simulador de Frete
- Calcular frete

Um laboratório de antropologia

O encontro entre Mario de Andrade, Dina Dreyfus e Claude Lévi-Strauss (1935-1938) 

 

Em São Paulo, nos anos de 1930, a cidade começou a ganhar formas metropolitanas, com os primeiros arranha-céus despontando na área central, as universidades recém-criadas e os sotaques estrangeiros a ecoar nas ruas. Este livro trata da cidade, como cenário, para um drama com curiosos personagens.

Os protagonistas desta cena paulistana foram Mário de Andrade, escritor e pesquisador, e um jovem casal de professores franceses, Claude Lévi-Strauss e Dina Dreyfus. O encontro entre eles dá-se na Sociedade de Etnografia e Folclore (SEF), no interior do Departamento de Cultura, precisamente entre 1935 e 1938, quando Mário dirigiu o órgão e criou a sociedade científica, na qual Dina é seu braço direito, e Claude, outro importante colaborador.

A narrativa de Luísa Valentini movimenta-se entre vocação descritiva e audácia analítica, conduzindo o leitor pelo espaço da SEF (alguns deles suspeitos), em uma verdadeira viagem no tempo, repleta de descobertas. Os capítulos levam-nos a desbravar rotas desconhecidas: assistimos aos cursos de etnografia ministrados por Dina Dreyfus; folheamos a Revista do Arquivo Municipal, tomando contato com os primeiros textos escritos por Lévi-Strauss; acompanhamos as pesquisas de campo realizadas nos arrabaldes da cidade sobre folclore e cultura popular (temas caros a Mário de Andrade); assuntos que mobilizam os três parceiros e sobre os quais eles manifestam, muitas vezes, juízos distintos.

Deixe seu comentário e sua avaliação


Características